Maurício Cavichion quer mais eventos em Porto Alegre

Novo presidente do POA Convention quer incrementar eventos na cidade. 
Maurício Cavichion, diretor da Tribeca Turismo e Eventos, assumiu a presidência do POA Convention&Visitors Bureau, a entidade responsável pela captação de eventos e visitantes e cumprirá mandato até o final deste ano. Ele substitui Roberto Snel, que deixou a presidência para assumir função pública no turismo da cidade. Por sua vez, Maurício tambm deixou a presidência da ABEOC RS.
Após assumir a presidência, Maurício declarou para o Frontdesk que pretende criar ações pontuais para prover a sustentação da entidade e óbter apoio em todas as instâncias para incrementar novos eventos próprios e buscar visitante aproveitando o apelo cultural e comercial da capital gaúcha.

FrontDesk é um boletim informativo com assuntos de interesse da Cadeia Produtiva do Turismo do Sul do Brasil, enviado para 26.107 endereços.
Envie-nos sua opinião ou informação para o e-mail:
frontdesk@frontdesk.tur.br
Editores: Renato Brenol Andrade & José Justo 54 999 143 117
PESTANA CR7

 

Anúncios

Festival do Interior em Porto Alegre

A empresa Tribeca Eventos  associou-se com a montadora Colombo Eventos, de Porto Alegre e a Lume Eventos,, de Encantado, para realizar o seu primeiro evento próprio na capital gaúcha, na semana do seu aniversário, a partir de 2018
 O Festival do Interior, mostra de destinos, produtos e atitudes, marcado para a data de 22 a 25 de março de 2018 no Beira-Rio, será evento cultural centrado nas etnias que participam na formação do povo gaúcho.
“O Gaúcho – a terra e o povo” é a chamada para várias atrações, como espetáculo épico representando a chegada dos casais açorianos no lugar que deu origem à bela Porto Alegre dos Casais, exposição de produtos e destinos, interlóquios culturais, encontro de cidades-irmãs e espetáculos musicais, alem de um “baile das soberanas”. 
Pela ótica do idealizador do evento, características, costumes e traços humanos de 35 etnias formaram o tipo gaúcho, seus costumes e tradições, desde o chimarrão até a indústria de alta tecnologia que emerge dos seus centros de pesquisas e de suas incubadoras tecnológicas, passando pelos episódios históricos como as reduções jesuíticas, os Mucker, a revolução farroupilha, a coluna prestes, até a música contemporânea e a conquista dos títulos mundiais de futebol.
Integradas com as manifestações culturais do “gaúcha”, estão programadas atividades como a feira comercial, apresentações musicais, arte e danças folclóricas. Uma grande arena gastronômica justifica ser a alimentação a principal característica de cada povo formador. Desde os guarani até os japoneses, o Rio Grande do Sul é formado por povos que aportaram ao longo do paralelo 30, durante séculos. 
Para saber mais, clique AQUI


FrontDesk é um boletim informativo com assuntos de interesse da Cadeia Produtiva do Turismo do Sul do Brasil, enviado para 26.104 endereços.
Envie-nos sua opinião ou informação para o e-mail:
frontdesk@frontdesk.tur.br
Editores: Renato Brenol Andrade & José Justo 54 999 143 117

 

Hotelaria se moverá

De abril de 2017 em diante, tradicional endereço hoteleiro na Rua Miguel Tostes, 30, no Bairro Moinhos de Vento em Porto Alegre, terá nova bandeira: LAGHETTO VERTICE MANHATTAN.
O atual hotel Manhattan conta com 188 apartamentos e está operando desde 2001, já tendo passado pelas bandeiras Parthenon e Mercure.Sob a marca LAGHETTO já é administrado, a 100 metros desse endereço, na Rua Dr. Vale, desde 2014, o Laghetto Viverone, cujo Gestor Geral será dali deslocado para o novo endereço. Somando os atuais 122 do Laghetto Viverone, aos 188 do Manhattan que será integrado em abril, a Operadora terá 310 quartos em seu portfólio na capital gaúcha, até a conclusão das duas novas obras hoteleiras que estão em andamento: o do Stilo Axis na região da Carlos Gomes e a Vollare no Aeroporto Salgado filho, com conclusão prevista para os próximos dois anos.
O anúncio foi feito ontem, durante a confraternização de final de ano da operadora, em Gramado, orígem e onde fica a sede da empresa Laghetto, pelo seu Diretor, Plínio Ghisleni.
_______________________________________________________________
FrontDesk é um boletim informativo com assuntos de interesse da Cadeia Produtiva do Turismo do Sul do Brasil, enviado para 25.377 endereços.
Envie-nos sua opinião ou informação para o e-mail: frontdesk@frontdesk.tur.br
Editores: Renato Brenol Andrade & José Justo 54 9914 3117

Cuidados com a saúde incrementam o turismo no Brasil

A prevenção de doenças e a promoção do bem-estar despontam como uma tendência para o desenvolvimento das atividades turísticas no país.
E Porto Alegre já está surfando nessa onda, graças ao trabalho de promoção e aglutinação realizado pela Secretaria Municipal de Turismo, capitaneada
por Luis Fernando Moraes.
Um dos resultados de todo o envolvimento de Porto Alegre é mostrado em matéria distribuída pela (ASCOM – Assessoria de Comunicação do Governo Federal), de autoria de Tatiana Alarcon.

“O sonho da professora universitária Silvia Frantz é engravidar. Gaúcha da cidade de Ijuí (RS), Silvia recebeu o diagnóstico de endometriose há dois anos. Para realizar o sonho de ser mãe, está se submetendo a uma série de exames e tratamentos que não são oferecidos na cidade onde mora. Silvia foi buscar ajuda em uma clínica especializada na capital do estado, a 480 Km quilômetros de onde mora. A cada três meses, lá está ela, em Porto Alegre. “Aproveito a oportunidade para conhecer um pouco da cidade”, disse.

Assim como a professora de Ijuí, um número cada vez maior de turistas se movimenta pelo país em busca de intervenções médicas e terapêuticas para promover o próprio bem-estar. Dados do Ministério do Turismo mostram que 10,5 mil viagens são feitas pelo país por brasileiros motivadas por esse fim – e cerca de 31 mil turistas internacionais desembarcam no Brasil para tratar da saúde.

Entre as vantagens competitivas do turismo de saúde no Brasil estão a medicina, a tecnologia de ponta e os custos mais baixos que em outros países, além dos próprios atrativos do país, como as belezas naturais e a variedade cultural. As áreas mais requisitadas pelos estrangeiros no país são: cardiologia, oftalmologia, oncologia, odontologia, cirurgia bariátrica e cirurgia plástica, de acordo com cartilha feita pelo Ministério do Turismo, com dados do Ministério da Saúde e da Embratur.

O turismo de saúde é uma alternativa para a sazonalidade no Brasil. “A promoção dessas viagens acontece em épocas de baixa temporada e, apesar de ser um ramo específico, o turismo de saúde é um segmento que contribui para movimentar a economia, em especial a do turismo”, diz José Francisco Salles Lopes, diretor do Departamento de Estudos e Pesquisas do Ministério do Turismo.

Outra vertente do turismo de saúde é o turismo de bem-estar, ou seja, as viagens motivadas pela procura de tratamentos que visam a prevenção de doenças e a busca por uma vida saudável e equilibrada. Entre eles, spas, hotéis de lazer, resorts, balneários, estâncias hidrotermais e centros terapêuticos holísticos.

Com essa proposta, a dentista Juliana Mingossi e o marido, o empresário Marco Mingossi, participaram, em março deste ano, de um cruzeiro marítimo que oferece atividades esportivas e de bem-estar, como dança e yoga. A ideia era comemorar os 20 anos de casamento e aproveitar a diversão com uma alimentação saudável e atividades físicas. “O exercício, para mim, é uma terapia, um momento para me desligar dos problemas”, disse.

O professor de educação física Jorge Brito, que dá aula em cruzeiros, afirma que ao associar a viagem aos exercícios físicos traz benefícios para o corpo e para a mente. Jorge desenvolveu uma modalidade chamada Ropefit (treinamento funcional com corda). “As pessoas buscam esse tipo de viagem para sair da rotina e se divertir. O importante é se movimentar, promover saúde e ser feliz”, diz Jorginho, como é conhecido pelos alunos”.